Buscas

Pesquisa personalizada

sábado, 27 de junho de 2015

Grandes Nomes do Renascimento

Suely Monteiro

Durante os séculos XIV e XVI a Europa vivenciou um importante movimento reintroduzindo na cultura de diferentes artes, como literatura, escultura, arquitetura e pintura alguns aspectos da cultura helenística passada. Este movimento ficou conhecido como O Renascimento e teve entre seus principais representantes na escultura e pintura, Leonardo da Vinci, Michelangelo, Rafael Sanzio e Sandro Botticelli cujas obras apresento abaixo:

LEONARDO DA VINCI

A Última Ceia
Frequentemente foi descrito como o arquétipo do homem do Renascimento, alguém cuja curiosidade insaciável era igualada apenas pela sua capacidade de invenção. É considerado um dos maiores pintores de todos os tempos e como possivelmente a pessoa dotada de talentos mais diversos a ter vivido. Segundo a historiadora de arte Helen Gardner, a profundidade e o alcance de seus interesses não tiveram precedentes e sua mente e personalidade parecem sobre-humanos para nós, e o homem em si [nos parece] misterioso e distante . Wikipédia – acesso em 026/06/15.

David
MICHELANGELO

Em 06 de março de 1475,  Caprese , Itália, recebia Miguel Ângelo di Lodovico Buonarroti Simoni ou simplesmente
Michelangelo. 
Originário de uma família que hoje denominaríamos de classe média, tornou-se aprendiz de pintor antes de estudar nos jardins de esculturas da poderosa família Médici.  
Seu talento conduziu-o ao topo de uma notável carreira como artista no Renascimento italiano.  Distinguem-se em seus trabalhos as estátuas de David e Pieta e as pinturas do teto da Capela Sistina de Roma, incluindo o Juízo Final.

Michelangelo sempre se considerou um florentino, apesar de ter vivido a maior parte de sua vida em Roma, onde morreu aos 88 anos, no ano de l564.


RAFFAELO SANZIO
Escola de Atenas
Rafael, como ficou conhecido (1483-1520), nasceu em Urbino, na Itália, no dia 06 de abril de 1483. Filho de Giovanni Santi, pintor da corte do duque de Urbino, cresceu em meio às artes, e com quinze anos pintou um autorretrato, sua primeira obra. Ficou órfão ainda jovem indo morar com seu tio Bartolomeu, um sacerdote.
Iniciou seus estudos pelas mãos de Pietro Perugino.  Mais tarde recebeu a influência de Micrhelangelo e Leonardo da Vinci. 
Em 1508, foi convidado pelo papa Júlio II para ir a Roma, para decorar com afrescos vários recintos do Vaticano. 
No primeiro deles, a Stanza della Segnatura, Rafael pintou uma de suas maiores obras, "A Escola de Atenas" (1509-1511), onde fez uma homenagem aos antigos sábios gregos. 
No centro do afresco, ocupando o lugar principal, estão Platão e Aristóteles. Como a filosofia de Platão é espiritualista, ele foi representado apontando para o alto. E como a filosofia de Aristóteles é baseada na experiência e na observação da realidade, ele aparece apontando para o chão. 




A Primavera 
Alessandro di Mariano di Vanni Filipepi ou Sandro Botticelli nasceu em Florença em  1º de março de 1445  e morreu  17 de maio de 1510. Recebeu influências  de  diferentes mestres  em diferentes épocas, dentre eles,  Masaccio, Filippo LIppi, Antonio Pollaiuollo e Andrea del Verrocchio. Com cada um aprendeu um pouco do que o ajudou a se tornar um dos maiores nomes da arte renascentista. Dedicou-se, também, como era comum naquela época, a retratar pessoas e se tornou um dos maiores retratistas de seu tempo. 

OBRA DE ARTE

OBRA DE ARTE
Amores na bela Capital Catarinense.

CINEMA: UM GRANDE PRAZER.

Loading...