Buscas

Pesquisa personalizada

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Fotografia

                                                            Pelas ruas do Nepal - 2014

terça-feira, 30 de junho de 2015

CHARLES AZNAVOUR CANTA "LA BOHÈME"





                                    Conversando hoje pela manhã com uma amiga, fiquei impressionada com a capacidade dela de se lembrar e cantar,  com uma linda voz,  músicas do passado distante, como por exemplo, anos 30 e 50 (quando ela ainda nem era nascida), relacionando-as  a diferentes momentos de sua vida. Ela - disse-me - aprendeu com seu pai que era um grande boêmio. 
Meu pai, também, era um grande cantador. Cantava lindas canções que hoje estão sendo regravadas pelos jovens compositores, mas eu, apesar da convivencia intensa com a música,  nunca consegui decorar nenhuma. No entanto, guardo trechos de canções que marcaram minha infância e juventude. Mesmo na maturidade, tenho grandes paixões musicais.  E uma delas eu ouvi hoje na casa de minha filha, jovem moradora de Montreal, enquanto almoçavamos. Era "La Bohème" na voz de Charles Aznavour que compartilho ccom vocês, graças ao nosso bom You tube.


domingo, 28 de junho de 2015

Contos da Literatura Árabe

Um homem da tribo dos Ansares chegou a Maomé e disse-lhe:

- Sou filho de uma família pobre, que sofre fome. Procurei-o para pedir socorro.

Maomé deu-lhe dois dirhams e disse-lhe:

- Com um, compra víveres para tua gente; e com o outro, um machado para cortar lenha.


moeda árabe - dirham


Não abras uma porta que não sejas capaz de tornar a fechar; 
nem feches uma porta que não sejas capaz de reabrir. 
Não lances uma flecha, se não és bastante forte para responder àquela que te arremessarão em resposta à tua.




No círculo dos joalheiros de Bassóra, ouviu-se um árabe contar esta história:

"Uma vez, perdi-me no deserto, sem provisões. Estava prestes a morrer quando subitamente vi de longe um saco. Nunca esquecerei a alegria que senti ao pensar que o saco continha grãos de trigo fritos, e, depois, a minha amargura e desespero quando descobri que só continha pérolas!"




Fonte texto:
Contos da Literatura Árabe

http://www.khanelkhalili.com.br/contos.htm
Imagens livres do Googe imagem
Acesso: 28/06/15

OBRA DE ARTE

OBRA DE ARTE
Amores na bela Capital Catarinense.

CINEMA: UM GRANDE PRAZER.

Loading...