Buscas

Pesquisa personalizada

terça-feira, 28 de setembro de 2010

CRISTIANISMO E FILOSOFIA PATRÍSTICA.

Basílio Magno (c.330-379)
Escritor e teólogo cristão, de expressão grega, nascido em Cesaréia da Capadócia (Asia Menor). Estudou em Constantinopla e Atenas, retornando em 356 a Capadócia, onde instruiu retórica. Posteriormente se fez monge. Por último foi escolhido para ser sacerdote e bispo de Cesaréia da Capadócia.
Sob influência platônica, desenvolveu uma filosofia sobre Deus, ao qual apresentou como transcendente, cujas propriedades positivas e negativas também estudou.
Sua filosofia da natureza a apresentou a criação conforme a sequência do Gênesis.
Largamente se ocupou de assuntos morais.
Escreveu regras para os monges, razão porque foi considerado organizador do monaquismo oriental.
Obras:
Contra Eunômio, tratado contra o arianismo, o mais filosófico;
Sobre o Espírito Santo, abordando a Trindade e de novo o problema ariano;
Assuntos morais (I  0 2 4 6 V ), explicando textos morais da Bíblia;
Grandes regras (Ð D @ 4 6 " J  B 8 V J @ H ), 55 questões da vida religiosa;
Pequenas regras (Ð D @ 4 6 " J r , B 4 J @ : Z < ), 313 respostas sobre a vida religiosa; Homilias, destacando-se aqueles sobre o Exaémeron, ou seja, sobre os seis dias da criação; Cartas, em número de 365; Discursos, sendo alguns sobre assuntos dogmáticos.


Fonte: Enciclopédia Simpozio http://www.cfh.ufsc.br/
Postar um comentário

OBRA DE ARTE

OBRA DE ARTE
Amores na bela Capital Catarinense.

CINEMA: UM GRANDE PRAZER.

Loading...