Buscas

Pesquisa personalizada

sábado, 26 de março de 2016

OPINIÃO PÚBLICA, IMPRESSA E DEMOCRACIA


Suely Monteiro

Não se pode negar a importância da impressa no processo democrático e tentar calar este instrumento é um retorno impensável à ditadura. 

Foto: Google imagens. Acesso 25.03.2016.
A mídia é poderosa. 

A sua posição ajuda a formar uma opinião pública mais realista, desfazendo os enganos e trazendo à tona as sujeiras que se pretende fiquem debaixo dos tapetes, ou se o seu exercício estiver a serviço de interesses menos dignos, a mascarar uma situação que impedirá por muito tempo o crescimento, a expansão da liberdade e da iniciativa consciente do cidadão. 

Mas, qual é o papel da imprensa?

Indefinido, por enquanto. Para alguns ela está ultrapassando sua área de atuação e invadindo a área da fiscalização, da polícia,  quando o seu papel é somente informar os fatos tais como esses se apresentam a ela.

Por outro lado, existem aqueles ( e estou com eles) que advogam que se o modelo clássico de democracia evoca os três poderes, Legislativo, Executivo e Judiciário, na atualidade, a impressa forma o quarto poder e por isto sua área de atuação expande-se para que ela possa ir além de como os fatos lhe são apresentados para apurá-los em sua profundida e informar com segurança. 


Todavia, enquanto não se define, definitivmente o seu papel, é importante ter em mente, que não existe democracia com uma imprensa controlada, com censura prévia do material cultural produzido e, que cada vez mais, a imprensa se torna um instrumento para que o cidadão manifeste sua opinião, troque experiência e cobre dos poderes a realização daquilo a que a sociedade tem direitos estabelecidos por contrato. 

Afinal de contas, democracia vai muito além do fato de se eleger, por meios de votos, os repesentantes do povo no poder.

É preciso, sim, estar atentos ao que os políticos fazem com o poder que o povo lhes empresta para governarem. E a imprensa pode e deve ajudr a fiscalizar!
Postar um comentário

OBRA DE ARTE

OBRA DE ARTE
Amores na bela Capital Catarinense.

CINEMA: UM GRANDE PRAZER.

Loading...