Buscas

Pesquisa personalizada

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

POESIA

JOEL E CARMITA

Charles Fonseca



Teus anos já são sessenta
De casados sob o amor
Baluartes contra a dor
Sois exemplo para quem entra

No doce convívio casal
No drama do que é humano
Ser mais que ter cada ano
Juntos até o final

Desta vida que de abrolhos
Que também é de ventura
Vossa herança é a pura
Vivência, abrem-nos olhos.
Postar um comentário

OBRA DE ARTE

OBRA DE ARTE
Amores na bela Capital Catarinense.

CINEMA: UM GRANDE PRAZER.

Loading...