Buscas

Pesquisa personalizada

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

O Absoluto em Schelling


(...) Para Schelling o absoluto é uma matriz única da qual se diversificam todos os seres. Em tudo quanto é e quanto existe há, segundo ele, uma fundamental identidade. Todas as coisas, por diferentes que pareçam, vistas de um certo ponto, vêm fundir-se na matriz idêntica de todo ser que é o absoluto. A realidade é uma evolução, e se manifesta por etapas sucessivas. Passa de natureza inorgânica, a natureza orgânica, e desta a espirito.
No fenômeno da vida a natureza está unida com algum elemento espiritual. Também na natureza inorgânica está presente o espírito, imprimindo ordem aos átomos, como nos cristais. No caso do cristal hexaedro há um espírito hexaédrico dentro dele. Em qualquer coisa que tomamos encontramos a identidade profunda do absoluto. Criticou Hegel e Fichte que tinham sempre visto a natureza somente como um objeto em sua subordinação ao homem.

A filosofia de Schelling ganhou importância em conexão com o a filosofia existencialista e a antropologia filosófica que valorizam o pensamento de Schelling da natureza humana determinada não apenas pela razão, mas também por obscuros impulsos naturais.
R.Q.Cobra
Doutor em Geologia
e bacharel em Filosofia

2001
Postar um comentário

OBRA DE ARTE

OBRA DE ARTE
Amores na bela Capital Catarinense.

CINEMA: UM GRANDE PRAZER.

Loading...