Buscas

Pesquisa personalizada

domingo, 28 de junho de 2015

Contos da Literatura Árabe

Um homem da tribo dos Ansares chegou a Maomé e disse-lhe:

- Sou filho de uma família pobre, que sofre fome. Procurei-o para pedir socorro.

Maomé deu-lhe dois dirhams e disse-lhe:

- Com um, compra víveres para tua gente; e com o outro, um machado para cortar lenha.


moeda árabe - dirham


Não abras uma porta que não sejas capaz de tornar a fechar; 
nem feches uma porta que não sejas capaz de reabrir. 
Não lances uma flecha, se não és bastante forte para responder àquela que te arremessarão em resposta à tua.




No círculo dos joalheiros de Bassóra, ouviu-se um árabe contar esta história:

"Uma vez, perdi-me no deserto, sem provisões. Estava prestes a morrer quando subitamente vi de longe um saco. Nunca esquecerei a alegria que senti ao pensar que o saco continha grãos de trigo fritos, e, depois, a minha amargura e desespero quando descobri que só continha pérolas!"




Fonte texto:
Contos da Literatura Árabe

http://www.khanelkhalili.com.br/contos.htm
Imagens livres do Googe imagem
Acesso: 28/06/15
Postar um comentário

OBRA DE ARTE

OBRA DE ARTE
Amores na bela Capital Catarinense.

CINEMA: UM GRANDE PRAZER.

Loading...